Chapada dos Veadeiros e todo seu misticismo.

April 24, 2019

 América do Sul | Brasil | Goiás | Chapada dos Veadeiros 

  

Um post recheado de dicas de um dos lugares mais energéticos e místicos do Brasil: Chapada dos Veadeiros.

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é um tesouro do centro oeste brasileiro, cheio de paisagens de tirar o fôlego, cidades para todos os gostos e bolsos e uma magia única

Essa é uma viagem que se encaixa super bem em feriados longos, e pode ser muito bem aproveitada por quem gosta de trilhas, aventuras, lugares pouco explorados, cidades simples e rústicas e um ar de misticismo.

A Chapada dos Veadeiros é extremamente organizada e bem conservada pelo Parque Nacional e por fazendas privadas que controlam e cuidam das diferentes belezas e atrações do local.


Encontre aqui um guia completo para uma viagem com ótimo custo benefício, e sem perrengue!! Dicas/sugestões de como chegar, onde ficar, passeios imperdíveis, melhores restaurantes, melhor época para visitar, que roupas levar e muito mais...!

 

🔍    **| SOBRE O LUGAR |**

✈️    **| COMO CHEGAR / SE LOCOMOVER |**

☁️    **| CLIMA - MELHOR ÉPOCA |**

📝    **| INFORMAÇÕES BÁSICAS |**

🛁    **| ONDE SE HOSPEDAR |**

🍴    **| ONDE COMER E BEBER |**

🚲    **| O QUE FAZER |** 

👗    **| O QUE VESTIR |** 

🔍    **| SOBRE O LUGAR |**

 

A Chapada dos Veadeiros é um destino que se planejado com certa antecedência é super acessível! Além de ser relativamente fácil de chegar, o que facilita a ida em um feriado prolongado tranquilamente. O lugar é lindo, para quem ama a natureza e curte trilhas, aventura e cachoeiras. Prepare-se para conhecer um paraíso cheio de misticismo e paisagens de tirar o fôlego! Para quem busca desligar completamente da loucura e se conectar com a natureza, esse é o lugar ideal!

 

O Parque Nacional da Chapada localiza-se na região centro oeste do Brasil, no estado de Goiás. O parque é enorme, e abrange uma área total de 66mil km2, de cerrado e cachoeiras. São basicamente três municípios que rodeiam o parque: Alto Paraíso, que é o mais estruturado dos três e abrange cerca de 60% da área total do parque, Cavalcante, que é um local um pouco mais simples e mais afastado, e abrange os demais 40%, e São Jorge, que é o mais procurado por mochileiros e pessoas que querem acampar! 

 

O lugar é absurdamente lindo e super bem conservado. Em 2001 o Parque se tornou patrimônio mundial da humanidade pela UNESCO. São muitas as belezas naturais que vão desde as famosas cachoeiras, trilhas até o famoso vale da lua.

Além de todas as belezas naturais, o lugar também possui uma fama esotérica, sendo conhecido como um dos portais energéticos do mundo, dado ao conhecido paralelo 14, uma linha imaginária que atravessa Machu Picchu, no Peru e corta também Alto do Paraíso. Além disso, o município está sobre uma enorme placa de quartzo, que segundo os místicos protege a cidade de desastres naturais e proporcionam proteção as pessoas e boas vibrações. 
Com isso, centenas de pessoas buscam a região para meditar ou até mesmo esperando um contato extraterrestre.

 

Ficamos 4 dias completos, usando o feriado de Corpus Christi e foi super bacana! Óbvio que daria para ficar mais (atrações não faltam!), mas conseguimos ver praticamente tudo que queríamos!

 Mapa Chapada dos Veadeiros | Foto: Google.com

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

✈️    **| COMO CHEGAR / SE LOCOMOVER |**

 

Visitar a Chapada dos Veadeiros não é uma tarefa difícil, e se feita com certo planejamento pode sair bem em conta também.

 

↠ Avião 

A maneira mais fácil e comum de chegar é via Aeroporto Internacional de Brasília (BSB). Há vôos diretos pela LATAM, GOL e AVIANCA saindo das principais capitais brasileiras. 

Vale ficar atento nas promoções, principalmente da GOL e AVIANCA. Geralmente são os vôos mais em conta! Vale sempre checar a compra de passagens com milhas também!

✏︎ Veja aqui algumas dicas de como encontrar os melhores preços em passagens aéreas e aqui como acumular milhas.

 

↠ Carro Alugado
Chegando em Brasília é necessário alugar um carro e seguir rumo Alto Paraíso. São 238km de estrada (2h56m), e o Waze funciona super bem! Não é necessário ter um carro 4x4, mas é recomendado pegar um que seja mais altinho, dado que parte das estradas dos passeios são de terra.

O carro será bastante útil, dado que os passeios ficam distante e espalhados nos três municípios. De Alto Paraíso até São Jorge são 22km de asfalto e 14km de terra. Já de Alto Paraíso a Cavalcante são 91 km de asfalto mais alguns km de terra dependendo da cachoeira ou mirante. Além de garantir que em pouco tempo você conheça o máximo de atrações, sem depender de horários pré moldados de agências de turismo ou transporte público.

 

(OU) Ônibus

É possível ir de ônibus também saindo da rodoviária até Alto Paraíso. São 3h de viagem pela Real Expresso, que faz o trajeto todos os dias as 10h e as 21h pelo valor de R$40,00.

O único ponto aqui é que sem carro você dependerá de ônibus publico ou fechar os passeios na cidade - que pode acabar saindo mais caro do que o aluguel de carro! 

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

☁️    **| CLIMA - MELHOR ÉPOCA |**

 

O clima do cerrado do Goias possui duas estações bem definidas: verão e inverno. A época do verão é também a época de chuvas, que não é a mais indicada dado que as trilhas ficam cheias de barro e podem ser perigosas e escorregadias. A época do inverno é também a época de seca, em que as temperaturas ficam mais frias principalmente a noite, mas é a melhor época para visitar quase todas as atrações sem perigo de formação de trombas d'água.

 

↠ Maio a Setembro é a estação de inverno, e portanto seca, em que é mais garantido conseguir desfrutar de todas as atrações! Junho, Julho e Agosto são os melhores meses para curtir as principais atrações.

↠ Outubro a Abril é o período de verão e portanto das chuvas, sendo o auge entre os meses de Dezembro a Fevereiro. 

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

📝    **| INFORMAÇÕES BÁSICAS |**

 

↠ Moeda: Real (R$)

Só achamos banco para sacar dinheiro em Alto Paraíso (Caixa e Itaú), que é a cidadezinha mais estruturada. De qualquer forma, recomendo levar uma quantia em dinheiro, dado que alguns lugares e passeios não aceitam cartão de crédito e caso o caixa eletrônico esteja com problema não há onde recorrer. 

 

↠ Visto e Passaporte

Para estrangeiros: O Brasil adota uma política de concessão de vistos com base no princípio da reciprocidade, ou seja, países que exigem vistos de cidadãos brasileiros para entrada em seus territórios também precisarão de visto para viajar ao Brasil. Hoje, o Brasil possui isenção de visto com quase 90 países. Vale sempre conferir a necessidade de visto antes de comprar sua passagem.

 

Para brasileiros: Apesar de não ser obrigatório, sempre recomendo fortemente viajar tendo tomado a vacina de febre amarela principalmente para locais com muito acesso a natureza e que já tiveram em algum momento surto.  

 

↠ Fuso Horário

Horário de Brasília

 

↠ Tomada

220V

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

🛁    **| ONDE SE HOSPEDAR |**

 

Quando comecei a planejar a viagem para Chapada dos Veadeiros tive um pouco de dificuldade de entender e escolher a melhor cidade base. São três cidades as que abrigam os turistas: Alto Paraíso, São Jorge e Cavalcante.

 

↠ Alto Paraíso

É a cidade com melhor infraestrutura e é uma excelente cidade base. Foi a minha escolha!

Se você é o tipo de pessoa que adora fazer uma trilha, se jogar na natureza, mas gosta de chegar a noite e tomar um banho quentinho e ter uma cama confortável para dormir e um restaurante gostosinho para comer, essa é a cidade para você!

A cidade é ótima também por estar em uma posição bem central entre São Jorge e Cavalcante. E para quem curte misticismo, essa é a cidade que mencionei acima e que passa o paralelo 14 - linha imaginária que corta Machu Picchu. 

 

Caso decida ficar aqui, recomendo:

Pousada do Sol

Ficamos hospedados nessa pousada e super recomendo! Tudo por lá é mais simples e rústico, mas além da dona ser uma foda, os quartos serem super limpinhos e o café da manhã delicioso, todos os dias pela manhã há mais de 30 araras indo beliscar frutinhas ao lado do quarto, bem pertinho dos hospedes.

As diárias são bem acessíveis também, com um excelente custo benefício!

Pousada do Sol| Foto: Booking.com e Vanessa Doti

 

 

↠ São Jorge

É a cidade para os aventureiros de plantão! Se você é mais do estilo que curte vilarejos com rua de terra, música ao vivo a noite, um clima mais alterna e locais mais simples e interioranos, esse é com certeza seu lugar!

São Jorge é mais conhecido por mochileiros que vão em busca de aventura e preferem acampar para economizar na viagem!

Essa é a cidade que abriga o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, que possui diferentes trilhas - das mais curtas as mais longas.

 

Se optar por ter São Jorge como base, recomendo:

Namastê Pousada e Terapia 

Essa é uma pousadinha super fofa, para quem curte uma experiência mais imersiva nas energias do lugar. A pousada é vegana e oferece diferentes tipos de massagens e tratamentos. Tudo ali é especial, e preparado com muito cuidado, principalmente o café da manhã, que além de maravilhoso vira literalmente um ritual. 

Ideal para quem busca uma experiência mais imersiva.

 

Namastê Pousada e Terapia | Foto: Site Santa Helena Pousada

 

 

Savana Hostel

Essa é uma segunda opção de hospedagem em São Jorge! O Savana Hostel fica super pertinho da entrada do Parque, o que facilita bastante a ida ao passeio, além de ter quartos e banheiros bem arrumados e super limpinhos e um café da manhã bem justo!

Ideal para quem quer conhecer gente e curtir o clima amigável da cidade!

 

Savana Hostel | Foto: Booking.com

 

 

↠ Cavalcante

Essa é a cidade menos procurada pelos turistas, dado que é menorzinha, com pouca infraestrutura e mais afastada.

Ela abriga a cachoeira mais linda da Chapada dos Veadeiros, a famosa Cachoeira de Santa barbara, além de diversas outras praticamente inexploradas ainda.

Ideal para quem vai pela segunda vez visitar a chapada e quer desbravar outros lugares.

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

🍴    **| ONDE COMER E BEBER |**

 

Assim como as pousadas, os restaurantes também acompanham a estrutura de cada uma das cidades! Descobrimos alguns restaurantes super gostosos, que recomendo a visita:

 

↠ Alto Paraíso

É onde você vai encontrar o maior número de restaurantes, dado que é a cidade com melhor infraestrura. Os que mais gostamos foram:

 

 - La Vita é Bella

Esse foi um dos melhores restaurantes que fomos em Alto Paraíso. As massas e pizzas são bem gostosas e valem bastante a pena!

Alguns amigos pediram pratos com frutos do mar e gostaram bastante também!

 Restaurante La Vita é Bella| Foto: Vanessa Doti 

 

- Vinil Cozinha e Bistrô 

Esse restaurante é super gostoso, com ótimo custo benefício e tem como especialidade crepes e tapiocas com diversas opções de recheios - incluindo doces. 

O restaurante fica bem cheio em período de feriado, portanto, vá com tempo, pois pode demorar para a comida chegar!

Vinil Cozinha e Bistrô | Foto: Vanessa Doti 

 

↠ São Jorge

Apesar de mais simples abriga um dos restaurantes mais famosos e bem recomendados da região, que vale a visita:

 

- Santo Cerrado

Esse é um restaurante super fofo - que tem como especialidade risoto. O ambiente é rustico e super charmoso, com uma excelente carta de vinhos e ótimos drinks. De entrada peça as bruschettas, que são deliciosas! Prato principal risoto (há opções vegetarianas também), e de sobremesa o brigadeiro!

Restaurante Santo Cerrado | Foto: Vanessa Doti 

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

🚲    **| O QUE FAZER |**

 

A verdade é que a Chapada dos Veadeiros tem muitos atrativos! Tantos que daria para ficar 10 dias tranquilamente conhecendo e desbravando trilhas e cachoeiras. Os roteiros variam muito de acordo com seu gosto pessoal. Eu fiquei 4 dias completos e consegui visitar os principais atrativos que gostaria, priorizando cachoeiras que dessem para nadar e trilhas com acesso a cachoeiras.

 

Dica: Os passeios ficam espalhados pelas três cidades, então é importante combinar os mais próximos no mesmo dia para otimizar seu roteiro!

Dica 2: Tenha sempre seu kit de sobrevivência de trilhas: Água, Lanchinho, Repelente e Protetor Solar. 

 

Abaixo um resumo do nosso roteiro, em que tentamos otimizar ao máximo os passeios pelos dias, começando por Alto Paraíso, indo para Cavalcante e terminando em São Jorge, no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros! 

Vale da Lua

Um dos passeios mais famosos e conhecidos da Chapada dos Veadeiros, o Vale da Lua parece um pedaço da lua na Terra. É uma paisagem completamente diferente de todas as outras da chapada, com formações rochosas que realmente impressionam. Entre os buracos formados pelas pedras passam filetes de água que formam laguinhos e pequenas corredeiras.

Subindo no alto da formação rochosa é possível ter uma vista linda do campo cerrado.

São 600m de trilha bem fácil para chegar ao Vale da Lua.

Tempo: Reserve 2 horas.

Valor: R$20,00 por pessoa

 Vale da Lua | Foto: Vanessa Doti

 

 

 Cachoeira das Loquinhas

A Cachoeira das Loquinhas fica a 4km do centro de Alto Paraíso, e localiza-se dentro de uma propriedade particular. A estrutura é ótima com deck de madeira que facilita a caminhada durante toda a trilha, que é bem tranquila.

Ao todo são 7 poços de água cristalinas. Prefira ir em um horário com sol para ver a água bem azulzinha. 

Tempo: Reserve meio dia

Valor: R$20,00 por pessoa

 

Cachoeira das Loquinhas. | Foto: Vanessa Doti

 

 

Cachoeira de Santa Barbara

A cachoeira mais famosa da Chapada dos Veadeiros é sem sombra de dúvidas a Cachoeira de Santa Barbara. E se eu tivesse que eleger uma cachoeira favorita no Brasil, com certeza seria essa! ❥

A cor da água azul piscina, cercada por uma mata densa e uma cachoeira de queda alta só fazem com que o lugar pareça uma pintura! Vale muito a pena visitar com sol, e em horários alternativos para curtir o paraíso mais a vontade, sem tantos turistas!

Para visitá-la é necessário contratar um guia, e há tempo limite para curtir a cachoeira. Nós fomos quase no final do dia, quando ainda estava sol e conseguimos ficar um bom tempo praticamente sozinhos na cachoeira!

 

O passeio ainda inclui Santa Barbarazinha e a Cachoeira da Capivara. Mas não perca muito tempo nelas, pois realmente a grande atração é a Cachoeira de Santa barbara.

Dica: Dentro da Reserva há um restaurante super gostoso, com comida caseira chamado Restaurante Reserva Quilombola. Vale fazer a parada de almoço ali!

 

Cachoeira de Santa Barbara | Foto: Vanessa Doti

 

 

Almécegas I e II

Ficam dentro da Fazenda de São Bento, em Alto Paraíso e possuem quedas fortes de água, sendo a I com 45m e a II com 8m de altura. A caminhada para chegar nas cachoeiras é bem simples com distância de 800m.

Valor: R$25,00 por pessoa

 

Almécegas I e II | Foto: Vanessa Doti

 

 

Cachoeira dos Couros

A Cachoeira dos Couros é uma das atrações que me mais impressionam, seja pela queda de mais de 100m, seja pela quantidade de água que ali cai, ou pela vista cinematográfica do lugar.

É aconselhável ir com guia para esse passeio para garantir a segurança em todo o trajeto. Muitas pessoas não vão até o final da trilha, mas com guia e tendo cuidado é super seguro e vale a pena!

O valor é de R$120,00 para um grupo de 6 pessoas, mas é bem negociável se estiver em menos pessoas.

 Cachoeira dos Couros | Foto: Viagem e Turismo

 

 

Jardim Maytrea

O Jardim Maytrea é parada obrigatória para assistir o pôr do sol! Já falamos da energia que a Chapada possui, e dizem que esse local é um portal para outra dimensão. A vista dos montes e da paisagem amarela do campo espalhados no horizonte é uma atração a parte no pôr do sol, onde diversos turistas se reúnem em pedras, árvores e capô dos carros para assistir o espetáculo do sol.

 

Jardim Maytrea | Foto: Vanessa Doti

 

 

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é o grande atrativo da viagem, e abriga as mais bacanas trilhas e algumas das mais legais cachoeiras! 

Considerado patrimônio natural mundial da UNESCO, o parque fica aberto para visitação durante todo o ano, com entrada gratuita porém extremamente controlada. Tem que chegar (bem) cedo para conseguir entrar!

São 4 trilhas, divididas por dificuldade e distância, todas muito bem sinalizadas.

1- Trilha Siriema: É a trilha de dificuldade baixa, com apenas 800m de distância. Indicada para ser feita com idosos e crianças.

2- Trilha dos Saltos: Possui nível de dificuldade médio e 11km a serem percorridos no total. Nela estão 2 cachoeiras bem bonitas e altas (120 e 80m), além de diversas corredeiras no meio do caminho.

3- Trilha dos Cânios e Carioca: Foi a minha escolha, e simplesmente AMEI! A trilha tem dificuldade média a alta, e exige um pouco mais de esforço físico principalmente nas decidas rumo as cachoeiras. São 12km no total, com parada para banho em todas as cachoeiras. Lá vi a cachoeira mais gostosa de todas: Cachoeira das Carioquinhas, que forma diversas piscinas naturais no meio da cachoeira.

4- Trilha das Sete Quedas: A mais difícil de todas, e que exige que o viajante pernoite no parque e faça a trilha em mais de 1 dia, afinal são 23km total de percurso, com diversas paradas.

 

  Parque Nacional Chapada dos Veadeiros | Foto: Vanessa Doti

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

👗   **| O QUE VESTIR |** 

 

A Chapada dos Veadeiros fica no meio do cerrado, então já é de se esperar um clima quente e um lugar hiper simples, em que o foco é o contato com a natureza. Então, preze menos pelas roupas bonitas e mais pelas levinhas e confortáveis, que te façam sentir a vontade para as caminhadas e passeios. No meu caso, shorts e camiseta!

 

Alguns passeios necessitam de botas de trilha ou tênis antiderrapante (como das trilhas longas do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros), e sempre roupa de banho, chinelo e uma toalha. 

 

Abaixo alguns dos looks que separei para a viagem para ajudar a exemplificar:

 

 

Dica: Por ser bastante seco e com temperaturas mais altas é MEGA importante levar: protetor solar, protetor labial, soro fisiológico para hidratar os olhos, repelente, hidratante para rosto e corpo e uma garrafinha térmica para a água.  

Não esqueça também de levar uma máscara de mergulho, se gostar de ver o fundo das cachoeiras!

 

Um agradecimento especial a turma dos Aventureiros, pela cia de viagem incrível!

Obrigada pela visita, e espero que as dicas da Chapada dos Veadeiros ajudem! ☺︎ ✌︎

Curtam muito esse lugar, e preservem sempre a natureza, para que possamos continuar desfrutando do paraíso daqui muitos e muitos anos!

Beijos, Doti
 

*Acompanhe as dicas de viagem também pelo instagram @dicasdadoti

 

 

..........

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Chapada dos Guimarães, parque nacional e as cachoeiras esverdeadas.

May 5, 2019

Chapada dos Veadeiros e todo seu misticismo.

April 24, 2019

1/7
Please reload

  • White Facebook Icon

DICAS DA DOTI é um blog recheado de dicas e experiências de viagens com ótimo custo benefício e sem passar perrengue. Publicitária de profissão e viajante nas horas vagas (em todas as horas vagas, diga-se de passagem), VANESSA DOTI é quem compartilha todo seu amor e melhores dicas de viagem com os leitores, através de roteiros leves e super completos. 

 

Read More

 

Dicas da Doti |  www.dicasdadoti.com.br |  contato@dicasdadoti.com.br |  @dicasdadoti

© 2018 Dicas da Doti - Todos os direitos reservados. Conteúdo protegido por direitos autorais. Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização da autora.