Antigua, a cidade mais charmosa da Guatemala!

November 10, 2017

AMÉRICA CENTRAL - GUATEMALA

América Central | Guatemala | Antigua 

 

Nesse post vamos falar de Antigua, uma cidadezinha para lá de charmosa e que dá um banho de cultura local. Você encontrará nesse post todas as dicas para uma viagem com ótimo custo benefício, e sem perrengue!! Dicas de como chegar, onde ficar, como se locomover dentro do país, hotéis bacanas, melhores restaurantes, clima e melhor época para visitar, câmbio, passeios imperdíveis e achados de viagem...!

🔍    **| SOBRE O LUGAR |**

✈️    **| COMO CHEGAR |**

☁️    **| CLIMA - MELHOR ÉPOCA |**

📝    **| INFORMAÇÕES BÁSICAS |**

🛁    **| ONDE SE HOSPEDAR |**

🍴    **| ONDE COMER E BEBER |**

🚲    **| O QUE FAZER |** 

 

 

A melhor definição que tenho para a Guatemala é: apaixonante. É o país com maior número de habitantes na América Central - 15,5 milhões, sendo a maioria descendentes de índios. E por coincidência ou não, todos que conheci foram extremamente gentis e queridos! 

Poucas pessoas conhecem a riqueza cultural que é esse país.  Na Guatemala, é possível experimentar e viver um pouquinho da cultura da forma mais real e genuína possível, dado que o turismo ainda não invadiu o país por completo. A maior parte das coisas que eles vendem, por exemplo, são produzidas localmente, seja artesanato, roupas, cafés ou ervas medicinais. 

 

Antigua é parada obrigatória de qualquer roteiro para a Guatemala. Uma cidade linda, cheia de vida, pessoas queridas e história! Prepare-se conhecer uma das cidades mais lindas da América Central, e sair completamente encantado pelo país e pelos guatemalecos!

✏︎ Vai a Guatemala? Leia também aqui todas as dicas do Lago Atitlán, o mais profundo lago da América Central! 

🔍    **| SOBRE O LUGAR |**

 

Antigua Guatemala, ou apenas Antigua é puro CHARME. Sabe aquelas cidadezinhas que você vê em filmes antigos, com casinhas fofas coloridas, ruas de pedras e pessoas felizes? Pois é, isso é Antigua, a cidade que ganhou meu coração por completo! ❤︎

 

A cidade fica a apenas 1h de carro da Cidade da Guatemala, e já foi no passado capital do país. Hoje, é uma cidade histórica patrimônio da UNESCO. 

Visitar Antigua é como fazer uma viagem no tempo! A cidade já sofreu diversos terremotos e erupções vulcânicas, tendo sido reconstruída diversas vezes.

 

A cidade, que nasceu com apenas 200 famílias, hoje possui cerca de 45.5 mil habitantes, sendo a maioria estrangeiros (muitos que se apaixonaram pelo local, e por ali ficaram). 

 

São 4 vulcões que rodeiam a cidade: Água, Fuego, Acatenango e Pacaya. 

O vulcano Fuego é um dos mais ativos da Guatemala (que possui 37 vulcões em todo seu país), e é possível ver a noite em dias de céu limpo o vermelho do fogo que ele solta. Em Junho de 2018 esse vulcão entrou em erupção, causando um desastre no povoado ao seu redor - o vulcão continua sendo monitorado devido as constantes atividades.

O Pacaya é o mais turístico e também é bem ativo. Sua última grande erupção foi em 2010, deixando o pueblo próximo a ele destruído, bem como toda vegetação ao redor. Nele é possível subir até a cratera e ver a lava que escorreu pelo vulcão em 2015.

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

✈️    **| COMO CHEGAR |**

 

Vôos: Não há vôos diretos para a Guatemala saindo do Brasil, mas ainda assim é bem tranquilo de chegar!

A COPA Airlines realiza esse trajeto com conexão no Panamá, a LATAM em parceria com a AMERICAN Airlines com conexão em Miami e a AVIANCA com conexão em Bogotá.

Vale pesquisar o mais barato, e se cabe uma paradinha extra no roteiro!

 

✏︎  Leia aqui sobre: Panamá, muito além da conexão!

✏︎ Leia aqui sobre: Bogotá. Colómbia: ès passion.

 

Translados: A forma mais simples, confortável e barata de fazer esse trajeto do Aeroporto à Guatemala Antigua é via táxi compartilhado. Logo na saída do desembarque há guichês oferecendo o serviço, que custa $10 dólares por pessoa e te leva até a porta do seu hotel. Os táxis vão com 3 pessoas no máximo, então é bem tranquilo. 

 

Geralmente, os translados que são organizados diretamente pelos hotéis acabam saindo mais caro, então vale a pena reservar esse ali na hora no balcão do aeroporto mesmo.

Translado Cidade para Antigua. | Fotos: Vanessa Doti

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

☁️    **| CLIMA - MELHOR ÉPOCA |**

 

O clima na Guatemala é tropical, com temperaturas de primavera o ano todo praticamente. A melhor época para visitar o país é entre Novembro e Abril - período de secas, e portanto, pouca chuva.

Fui em Novembro, e peguei todos os dias super ensolarados e com céu azul - ideal para ver os vulcões.

 

De manhã fazia bastante calor (22ºC e 28ºC) e para o final da tarde/começo da noite já ficava bem geladinho (12ºC e 17ºC).

 

Evite as visitas no mês de Setembro, o mais chuvoso do país!

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

📝    **| INFORMAÇÕES BÁSICAS |**

 

↠ Moeda: Quetzal (é o nome de uma ave super conhecida na Guatemala).

U$ 1 Dólar é igual aproximadamente 7,19 Quetzal.

Aqui vai uma boa dica: o aeroporto tem a cotação de U$ 1 para 6 quetzal, que é péssima! Troque na chegada o suficiente para o transporte, e troque diretamente no seu hotel, ou no Banco, que tem as melhores taxas. 

Antigua tem 4 bancos próximos da praça central, e vale muito mais a pena trocar ali! A cotação é bem melhor. Eu troquei no BAM Antigua El Portal, na Calle Poniente, 8.

 

↠ Visto e Passaporte

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Guatemala, apenas passaporte válido e certificado internacional de vacinação contra febre amarela.

 

↠ Fuso Horário

4 horas antes de Brasília

 

↠ Tomada

110V

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

🛁    **| ONDE SE HOSPEDAR |**

 

Antigua possui diversas opções, das mais simples as mais bacanas. O mais importante é escolher um hotel bem localizado, próximo ao centro para facilitar seu tour - que será feito a pé pelas ruas da cidadezinha!

Eu AMEI o hotel que ficamos, e acho que vale super a indicação. É um hotel boutique, mas com um preço acessível!

 

El Mesón de Maria

Nossa escolha foi o Hotel Mesón de Maria, e que escolha certa!!

O hotel boutique conta com uma decoração estilo colonial, toda harmônica com a cidade. Os quartos da propriedade são maravilhosos e o café da manhã então..nem se fala! Ele fica localizado no coração de Antigua, a poucos passos da Plaza Mayor e da Calle Principal. Uma baita localização para começar o tour.

Os recepcionistas foram super queridos e nos ajudaram a marcar no mapa todos os pontos que queríamos visitar antes de sairmos do hotel.

 

O apego aos detalhes, tanto na decoração quanto no cuidado com os hospedes para mim é o ponto alto desse hotel boutique. Todos os dias a noite, nos esperava em frente ao quarto um chocolate quente, chá e deliciosos cookies .

 

Além disso, o hotel possui um rooftop em que é possível observar os vulcões ou assistir ao pôr do sol, acompanhado de uma bebida.

El Mesón de Maria - melhor custo/benefício da viagem! Que achado! | Fotos: Booking.com

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

🍴    **| ONDE COMER E BEBER |**

 

A culinária da Guatemala é cheia de sabores interessantes, e Antigua especificamente possui uma gastronomia super rica e restaurantes muito bacanas que valem a pena serem explorados.

Abaixo alguns que visitei e recomendo:

 

 

 - The Fratelli

Endereço: 6º Calle Poniente, nº 30

Para os amantes de comida italiana, como eu, não deixem de incluir esse restaurante na lista.

Além da comida ser DELICIOSA, com massas frescas e molhos diversos feitos na hora, o lugar tem uma parte aberta e um terraço que são ambientes super agradáveis!

Os preços são super variados, com opções mais caras e opções mais em conta para todos os bolsos!

 

The Fratelli - um dos mais bacanas e t[ipicos restaurantes de Antigua. | Fotos: Vanessa Doti

 

 - Al Macarone Pizza

Endereço: 4º Poniente nº 3a

É pizza boa e barata que procura? Então esse é o lugar certo! Ideal para o pré pub crawl. A pizza é super bem servida e gostosa, feita em forno a lenha. São diversos combos com refrigerantes, sucos e sobremesas.

Eu pedi um combo individual e confesso que não consegui comer minha pizza até o final. É bem servida mesmo, e com um preço suuuper bom.

 

Nosso pré pub crawl. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

 - Café Sky

Endereço: 4º Avenida Sur, nº 15

Esse é um dos lugares mais bacanas que fomos! O restaurante serve café da manhã e almoço a um preço bem justo e uma comida bem gostosa com diversas opções. O ponto alto é o lugar, que tem um rooftop em que é possível tomar café da manhã, almoçar ou apenas tomar um drink observando os vulcões de camarote.

O lugar fica bem cheio no final da tarde, próximo ao pôr do sol, então, caso opte por ir nesse horário para tomar uma Gallo (típica cerveja da Guatemala) não deixe para chegar muito em cima da hora!

Obs. Na parte debaixo há um hostel também que me pareceu super bacana!

Imperdível tomar una cerveza com direito a pôr do sol e vulcão. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

 - Café Condesa

Endereço: Avenida Norte, nº 5a

É um dos cafés mais famosos de Antigua. Super fofo, ele fica localizado em frente a praça principal (Plaza Mayor), e vale a parada seja para tomar um café e degustar os doces, ou para o um suco refrescante.

Toda a decoração é colonial num estilo antigo, super charmosa. Ao fundo há uma livraria super bacana também que vale uma xeretada!

 

Café Condesa - ideal para uma paradinha para um café com bolo. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

- Sobremesa Helados Exóticos

Endereço: 4 ºAvenida Norte, nº 5a

Esse é um lugar que vale a visita, sem dúvidas. Descobrimos sem querer, e vale muito a pena pela experiência. São diversos sabores e combinações super exóticas, que no final ficam bem gostosas!Dicas da Doti | Fotos: Vanessa Doti

Helados Exóticos (e são bem exóticos mesmo!).  | Fotos: Vanessa Doti

 

 

 

- La Casa Dulces Típicos

Endereço: 7 º Calle Oriente, nº 20a

A melhor doceria de Antigua! É uma lojinha simples de doces típicos guatemalecos, com tudo feito artesanalmente no mesmo dia!

O dulce de leche é incrível e vale qualquer caloria! Minha amiga é fã de cocadas e AMOU a deles.  

La Casa Dulces Típicos e a melhor cocada de todas! | Fotos: Vanessa Doti

 

 

⇞ Voltar para o começo do pos

 

🚲    **| O QUE FAZER |**

 

O turismo em Antigua gira basicamente em torno dos pontos espalhados pela cidade (prepare-se para bater perna!), e pelos vulcões! 

Na minha opinião, o ideal é ficar pelo menos 3 dias inteiros para conseguir conseguir aproveitar bem essa cidade, que é uma graça, e fazer os vulcões!

 

O mais legal de Antigua é chegar, pegar um mapa, marcar todos os lugares que quer visitar e literalmente se perder caminhando pelas ruas de pedras com casinhas coloniais, cheias de charme. Dá para fazer tudo a pé e é bem tranquilo! Apenas o Cerro de La Cruz que é mais difícil por ter uma subidona. 

 

Antigua é para quem curte história, cultura, calmaria e tranquilidade. Você acabará descobrindo diversos cafés e docerias deliciosas no meio das andanças, e não deixe de parar para experimentar!

 

Vou colocar aqui minha sugestão de pontos turísticos para fazer durante o dia (incluindo o passeio do vulcão) e uma sugestão de paradas de pub crawl para fazer a noite! 

 

:: Passeios de DIA para fazer em Antigua

 

Plaza Mayor: Vale a pena começar por ela, que fica no coração de Antigua e é o ponto de encontro dos moradores da cidade. Lá você verá mulheres e crianças usando trajes típicos e vendendo artesanatos. No centro da praça encontra-se a Fuente de Las Sirenas (Fonte das Sereias), e ao redor dela diversos dos principais pontos turísticos.

As roupas típicas são usadas na maioria por mulheres e crianças. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Antigua Catedral de Guatemala: Ao lado da praça encontramos a linda e Antigua Catedral da Guatemala, que teve sua construção dificultada pelos frequentes terremotos. O primeiro edíficio foi iniciado em 1565, mas só foi inaugurado em 1680. Ela só foi reconhecida como catedral em 1743, e abrigou segundo a história os corpo do conquistador Pedro de Alvarado, que ficou debaixo dos escombros em 1773 quando o prédio desabou em um terremoto. A fachada barroca e uma parte da catedral foram reconstruídas e podem ser visitadas até hoje. 

Antigua Catedral de Guatemala - linda por fora e por dentro!. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Palácio de Los Capitanes Generales: Ainda nos arredores da praça encontra-se o palácio que foi residência do Capitão Geral da Capitania da Guatemala durante a época em que o país era uma colônia da Espanha. Após um terremoto, o local foi quase que completamente destruído, e só foi reconstruído em 1936. Hoje é sede nacional da polícia e do escritório do Governador. 

Palacio de los capitanes generales. | Fotos: Google.com

 

 

Palácio del Ayuntamiento: É hoje o Palácio da Câmara Municipal. No piso térreo fica o Museu do Livro Antigo e Museu das Armas.

Se subir a escadaria do palácio, terá uma visão privilegiada da plaza mayor e dos vulcões ao fundo.

Palácio del Ayuntamiento. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Arco de Santa Catalina: É um dos lugares mais famosos e visitados na cidade de Antigua Guatemala. Antigamente, o arco pertencia às freiras presas do Convento Santa Catalina.

Arcos de Santa Catalina e a ruazinha de pedra. ❤︎ | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Iglesia y Convento de La Merced: É uma igreja católica junto a um convento próxima ao Arco de Santa Catalina, que sofreu muito com os inúmeros terremotos na cidade. Foi inaugurada em 1767, e seu ponto alto é seu altar de pedra. É possível visitar o convento pelo valor de ~30 quetzal, e fica aberto a visita todos os dias das 9am às 6pm.

Iglesia y Convento La Merced - vale super a pena fazer o tour. ❤︎ | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Convento de Capuchinas: Foi inaugurado no ano de 1725 como o último convento a ser construído na cidade colonial. Lá moravam as monjas capuchinas, e esse convento ficou conhecido por ser o único que não exigia uma elevada posição econômica para as freiras, que viviam em clausura absoluta sem qualquer contato visual com o mundo exterior. O convento pode ser visitado, bem como suas ruínas. Há uma entrada de 40 quetzal por pessoa (ou 20 quetzal para estudante).

Um dos jardins do Convento de Capuchinas | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Convento de Santo Domingo: Esse convento fica hoje dentro do luxuoso Hotel Museu Casa Santo Domingo e possui uma parte  aberta ao público e outra que é necessário comprar ingresso. Ele serviu de claustro para mais de 100 freiras e noviças. São 6 museus ao todo (Colonial, Arqueológico, Museo de Arte Pre-Colombino y Vidro Moderno, Exibições Contemporâneas, Museo de La Prata e El museo de la Farmacia). Há uma entrada de 42 quetzal por pessoa. 

Jardim do Convento de São Domingo com a primeira parte das ruínas. ❤︎ | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Iglesia de San Francisco El Grande: Esse foi o primeiro santuário construído em Antigua, mas sofreu deterioração, além dos inúmeros terremotos. Foi abandonado, e reconstruído durante a metade do século XX. A igreja ficou conhecida principalmente por alojar o túmulo de Pedro de São José, um antigo missionário da Guatemala e um santo de origem espanhola que segundo a história realizou diversos milagres e foi canonizado em 2002 pelo Papa João Paulo 2º. É o primeiro santo da América Central.

Super fofa e com vários casamentos. Conseguimos até assistir um pedaçinho de um! | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Pila de La Unión: É um tanque público gigante que era usado antigamente para lavar roupa. Há uma lenda que diz que durante a madrugada fantasmas das lavadeiras voltam para trabalhar e lavar a roupas. 

Pila de La Unión. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Mercado de Artesania: É como se fosse uma galeria com diversas lojas de artesanato que oferecem os mais diversos produtos - todos obviamente artesanatos, muito mais em conta! Tem roupas, tecidos, bijuterias, lembrançinhas, artefatos de casa, e etc... 

 

Mercado de Artesanias - melhor lugar para comprar lembrançinhas e artesanatos locais! | Fotos: Vanessa Doti

 

 

Cerro de La Cruz: Uma das melhores vistas de Antigua Guatemala. É possível ver os vulcões que rodeiam a cidade lá de cima também. Para chegar ao topo, dá para encarar a subida a pé (prepare-se para uma beeeela subidona), de tuk tuk - forma mais barata - nos custou 50 quetzal (~7 dólares), ou de táxi.

Cerro de La Cruz com vista para toda cidade de Antigua. | Fotos: Vanessa Doti

 

 

 

:: Passeios para o VULCÃO

 

Vulcão Pacaya: Um dos passeios mais bacanas de se fazer na Guatemala. Não é todo dia que temos a oportunidade de subir um vulcão. Ainda mais se for um dos mais ativos da Guatemala! 

Esse vulcão teve sua última erupção em 2015, e ainda hoje é possível ver sua atividade em dias claros, sem nuvens.

O passeio feito é um day tour com alguma agência de viagem. Eu fiz com a Nuevo Destino, que fez um serviço bem bacana. (Falar com Alice - whatsapp: + 502 5221-6269.)

O vulcão fica a 1 hora de viagem de Antigua, e o trajeto é feito por mini ônibus simples. Chegando lá é hora de se preparar para a subida. São 4km para subir e o mesmo trajeto para descer. É bem cansativo, pois principalmente o começo é bem íngreme. 

Há a possibilidade de fazer o trajeto a cavalo: apenas para subir são 100 quetzal (~14 dólares) - e confesso que foram os 14 doláres mais bem pagos!

Se for subir e descer é possível negociar por 150 quetzal ( ~21 dólares).

 

Vulcão Pacaya e as lavas vulcânicas já solidificadas. | Fotos: Vanessa Doti

 

A vista do vulcão é lindíssima, e faz valer a pena todo o esforço. Depois de ~1h30 de caminhada, chega-se onde há apenas rochas pretas, que são as lavas vulcânicas solidificadas da última erupção. Em alguns lugares as rochas continuam quentes e é possível assar marshmallows ali na hora. Os guias sempre levam para ter uma experiência bacana!

É tão quente, que fica pronto em menos de 2minutos! | Fotos: Vanessa Doti

 

Valor: 75 quetzal (~10 dólares)

Horário: Há tour pela manhã (saindo as 6h) e pela tarde (saindo as 14h). Recomendo MUITO ir pela manhã, pois subindo o vulcão a temperatura vai caindo bastante. A tarde é muito pior essa mudança térmica. 



:: Passeios para curtir a NOITE em Antigua

 

A vida noturna em Antigua é bem animadinha! São diversos bares e pubs super bacanas! 

Como tinha 2 noites apenas, e queria conhecer um pouco de tudo, resolvi fazer um PUB CRAWL, e super recomendo!

A maioria dos lugares não paga para entrar, o que facilita que você possa conhecer todos os bares, pubs e baladas gastando pouco! No meio do caminho você com certeza encontrará algum grupo fazendo o mesmo!

Vale reforçar que a noite em Antigua é super segura, então não precisa se preocupar, mas como em qualquer outro lugar do mundo vale aquele conselho de mãe: evite andar sozinha e/ou em ruas escuras. Prefira ficar no centro, próximo ao movimento e da galera!


Café Sky:  Comece o pub crawl pelo Café Sky no pôr do sol. Vá para o rooftop e peça sua cervejinha Gallo gelada.

Rooftop do Café Sky. | Fotos: Vanessa Doti

 

Antigua Brewing: Aproveite para conhecer a melhor cervejaria de Antigua, e experimentar algumas das melhores artesanais em um ambiente super bacana e descolado. Lá também tem rooftop para aproveitar a vista dos vulcões.

Antigua Brewing. | Fotos: Vanessa Doti

 

Café No Se: Um dos clássicos, com parada obrigatória, o Café No Se é um que todos conhecem!

Lá também tem rooftop para aproveitar a vista dos vulcões.

Café no Sé - intimista e descolado. | Fotos: Google.com

 

The snug:  Passe no Irish Bar, que tem um clima muito mais intimista mas ainda super descolado! É um dos preferidos dos europeus!

The snug. | Fotos: Vanessa Doti

 

The Londoner:  Ideal para ir no pré balada! O bar começa a ferver às 19h e lota! O barman, um irlandês que acabou escolhendo a cidade para morar faz alguns dos melhores drinks que provamos!  

 

The Londoner e os melhores chopps. | Fotos: Google.com

 

La Sala:  Já começamos a entrar nas baladinhas. Essa vale a parada! Sempre com fila na porta, a balada conta uma galera que quer se divertir, mas se divertir MESMO. Toca de eletrônico a pop e reggaeton. Bem eclética

La Sala Balada Reggaeton com Pop e Eletrônico. | Fotos: Google.com

 

Reilly's:  Na minha opinão, o ponto alto do pub crawl. QUE lugar sensacional! É puro clima guatemaleco, com músicas reggaeton sendo cantadas por todos e gente subindo no balcão para dançar!

Reilly's pra finalizar a noite - é com certeza o mais animado! Faz fila para entrar!. | Fotos: Google.com

 

 

⇞ Voltar para o começo do post

 

 

Obrigada pela visita, e espero que as dicas ajudem! ☺︎ ✌︎

Beijos, Doti
 

*Acompanhe as dicas de viagem também pelo instagram @dicasdadoti

 

 

 

 

 

 

 

..........

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Chapada dos Guimarães, parque nacional e as cachoeiras esverdeadas.

May 5, 2019

Chapada dos Veadeiros e todo seu misticismo.

April 24, 2019

1/7
Please reload

  • White Facebook Icon

DICAS DA DOTI é um blog recheado de dicas e experiências de viagens com ótimo custo benefício e sem passar perrengue. Publicitária de profissão e viajante nas horas vagas (em todas as horas vagas, diga-se de passagem), VANESSA DOTI é quem compartilha todo seu amor e melhores dicas de viagem com os leitores, através de roteiros leves e super completos. 

 

Read More

 

Dicas da Doti |  www.dicasdadoti.com.br |  contato@dicasdadoti.com.br |  @dicasdadoti

© 2018 Dicas da Doti - Todos os direitos reservados. Conteúdo protegido por direitos autorais. Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização da autora.